#9292713, By Radamel

  • Radamel 14 Jan 2013 17:33:10 795 posts
    Seen 5 hours ago
    Registered 3 years ago
    @Blacksoul Acabámos a primeira parte com 59% de posse de bola. Não é só por aqui que se vê a superioridade de uma equipa, é certo, mas dá para ter uma ideia. A partir do 2-2, o Benfica não voltou a fazer nada até ao final da primeira parte. A segunda, essa sim, foi muito equilibrada.

    Luisão? O que faz o Luisão? lol Tens o Jardel que neste momento é basicamente a mesma coisa, só que mais novo.

    Rodrigo? Ias jogar com 3 avançados, era? Se nem o Lima que é o Lima não resistiu ao Otamendi e Mangala, ia ser mesmo o Rodrigo...

    Cardozo em forma??? Cardozo em forma é aquele que joga sem qualquer defesa do advesário, certo? O Cardozo é o mesmo de sempre, só que, tal como aconteceu ao Lima, a defesa não o deixou fazer o que quis. Teve a sua oportunidade aos 70 e tal minutos, com um falhanço defensivo do Mangala, e não a conseguiu aproveitar por causa da grandiosidade do Helton. Se fosse um qualquer na nossa baliza, aquela bola tinha entrado. Isto só prova que o Cardozo que lá tinhas era o mesmo que joga contra o Carcavelos e contra o Pinhalnovense que marca aos 3 por jogo.


    Agora, com o James, a história teria sido completamente diferente. Os vossos laterais estavam às aranhas com o Varela e com o Defour no meio-campo, nem quero imaginar como teria sido com o James a extremo...




    Mas o que fica para a história é o resultado, e esse fez jus ao que se passou em campo, sem qualquer dúvida. Duas grandes equipas a anularem-se mutuamente. Se o árbitro tivesse sido um pouco mais feliz nas decisões (isto dito como apreciador de futebol e não como Portista), este jogo teria ficado na História do futebol português.

    Ó mar salgado, quanto do teu sal
    São lágrimas de Portugal!
    Por te cruzarmos, quantas mães choraram,
    Quantos filhos em vão rezaram!
    Quantas noivas ficaram por casar
    Para que fosses nosso, ó mar!

Log in or register to reply